Xiloteca Dr. Calvino Mainieri


A Xiloteca Dr. Calvino Mainieri é a mais importante do estado de São Paulo e a maior do Brasil. Iniciada em 1930, reúne cerca de 19,5 mil amostras de madeiras brasileiras e estrangeiras e ao redor de 15 mil lâminas histológicas.

O objetivo principal é fornecer padrões para identificação botânica pela anatomia do lenho, atendendo aos setores de produtos florestais, construção civil, mobiliário e outros segmentos econômicos e culturais que trabalham com a madeira. O seu acervo também tem sido empregado para trabalhos tecnológicos e científicos do próprio IPT, instituições de São Paulo e outros estados, como USP (Instituto de Biociências e ESALQ), UFPR, IBAMA, Museu Nacional, INPA, Museu Paraense Emilio Goeldi, EMBRAPA, Instituto Florestal e Instituto de Botânica. Em termos internacionais, a Xiloteca já colaborou com pesquisadores do Forest Products Laboratory do USDA, Kew Gardens, Universidade de Hamburgo, entre outros. A cooperação da Xiloteca com essas instituições se dá no fornecimento/consulta de amostras de madeira, lâminas histológicas e das informações registradas, para trabalhos de pesquisa, dissertações de mestrado e teses de doutorado.

A Xiloteca é uma coleção participante do Projeto SpeciesLink - Sistema de Informação Distribuído para Coleções Biológicas: a Integração do Species Analyst e do SinBiota (FAPESP), que tem por objetivo desenvolver e disseminar um sistema distribuído de informação sobre espécies e espécimes (fauna, flora e microbiota).

O processo microscópico exige a preparação cuidadosa de uma lâmina histológica e a observação desta em microscópio óptico. A estrutura da madeira observada em detalhe é comparada com a coleção de mais de 13 mil lâminas histológicas existentes no IPT. Para auxiliar na identificação, também são utilizados bancos de dados eletrônicos elaborados no IPT ou em instituições de outros países.

 
Mais sobre este centro
 
Contatos
  • Laboratrio de rvores, Madeiras e Mveis LAMM
  • lamm@ipt.br
    Tel.: (11) 3767-4533