Pgina inicial do IPT   >  Notícias

Notcias


compartilhe


  19.10.16

Gesto da arborizao urbana


IPT ministra curso de capacitação para equipe da Secretaria de Meio Ambiente da cidade de Salto


Uma equipe do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) ministrou no início do mês de outubro um curso de diagnóstico e análise de risco de queda de árvores para um grupo de 12 servidores e gestores municipais da Secretaria de Meio Ambiente de Salto, cidade localizada na região administrativa de Sorocaba.
Curso abordou temas como morfologia e anatomia das árvores...
 
O treinamento abordou temas como morfologia e anatomia das árvores, controle de organismos xilófagos como cupins e fungos, biomecânica e análise de risco por métodos não destrutivos.

O curso de uma semana (32 horas) foi ministrado por dois profissionais do Laboratório de Árvores, Madeiras e Móveis do IPT e envolveu também uma parte prática com atividades nas ruas da cidade para identificação in loco dos problemas. “O objetivo do curso foi disseminar o conhecimento a fim de aperfeiçoar as técnicas de avaliação atualmente utilizadas para gerir as árvores urbanas das cidades”, explica o pesquisador Sérgio Brazolin, responsável pelo laboratório do IPT.

A transferência de conhecimento para a avaliação de árvores por meio de cursos teórico-práticos é uma das atividades exercidas pelo laboratório e já havia sido realizada nas cidades de Brasília (2009), Manaus (2012), Porto Alegre e Mauá, as duas últimas em 2014. O próximo curso será ministrado no mês de novembro no munícipio de Araguari, em Minas Gerais.

“Uma das maiores necessidades que tínhamos em relação à arborização urbana era justamente uma avaliação precisa das espécies do município.
...e incluiu atividades nas ruas da cidade para identificação in loco dos problemas.
 
Isso porque existem muitas árvores velhas que apresentam problemas de difícil diagnóstico”, afirma o secretário municipal de meio ambiente de Salto, João De Conti Neto. “Foi então que contratamos o curso do IPT, uma vez que nossos técnicos careciam de capacitação. O treinamento realizado na cidade foi uma ótima ferramenta para ajudar nossa equipe nas avaliações de risco de queda e na identificação de problemas antes desconhecidos”.