Pgina inicial do IPT   >  Notícias

Notcias


compartilhe


  10.10.12

No aos desastres


Hoje é o Dia Internacional da Redução de Desastres Naturais; IPT disponibiliza ação preventiva em vídeo


O Instituto de Pesquisas Tecnológicas disponibilizou um vídeo na internet, em meados de 2012, para orientar profissionais e moradores de áreas de risco no sentido da prevenção de tragédias em temporadas de chuvas. Como contribuição às celebrações do “Dia Internacional da Redução de Desastres Naturais”, instituído mundialmente pela Organização das Nações Unidas, o IPT reitera a disposição de suas equipes técnicas em informar a comunidade, dando acesso a esta ferramenta audiovisual.

Em dezembro de 1989, a Assembleia Geral da ONU decretou a segunda quarta-feira dos meses de outubro o Dia Internacional para a Redução de Desastres Naturais. Este dia foi celebrado anualmente durante a Década Internacional para a Redução de Desastres Naturais, entre 1990 e 1999. Em dezembro de 2001, a assembleia decidiu manter a comemoração do dia como um veículo para promover a cultura global de redução de desastres naturais, incluindo prevenção e mitigação de desastres.



O IPT comunica-se com a população nas áreas em risco lançando mão de novas linguagens, como é o caso do vídeo, para melhor compreensão dos temas técnicos. “Nosso objetivo é ensinar a autoproteção ao cidadão, levando o conhecimento para que ele faça o básico: identifique a situação de risco, deixe o local e comunique à Defesa Civil”, afirma Eduardo Soares de Macedo, pesquisador do Centro de Tecnologias Ambientais e Energéticas, o Cetae, unidade técnica do IPT que coordenou a produção do vídeo, feito em aproximadamente cinco meses.

Um desafio importante é dar a maior visibilidade possível ao conteúdo e às imagens. “A ideia é que o vídeo seja difundido para todos, podendo ser usado em aulas ou qualquer outra situação pertinente. Ele é um instrumento de educação para alunos, técnicos que trabalham na área e principalmente para os moradores”, afirma o pesquisador Fabrício Araújo Mirandola, também da equipe do Cetae.

 
  • Ações de prevenção, avaliação e investigação em acidentes naturais do IPT