Pgina inicial do IPT   >   Publicaes   >   Publicaes tcnicas   >  Artigos Tcnicos

compartilhe

Sismicidade induzida por reservatrios (SIR): casos brasileiros


Lucas Vieira Barros; Marcelo Assumpo; Luis Carlos Ribotta; Vinicius Martins Ferreira


Resumo:

Os recentes acontecimentos em Mariana/MG, dado à sua importância para segurança de barragens, reacenderam no Brasil as discussões sobre o fenômeno da Sismicidade Induzida por Reservatórios (SIR) artificiais, bem como pelo estabelecimento de medidas mitigadores do risco a que estão sujeitas áreas onde são estabelecidas grandes obras de geoengenharia. O fenômeno do SIR foi observado pela primeira vez há cerca de oito décadas. Contatou-se que algumas obras de geoengenharia podem influir na maneira como os esforços crustais são liberados na forma de terremotos. O enchimento de grandes reservatórios, a exploração de minas subterrâneas, a injeção de fluídos sob alta pressão em poços profundos, a remoção de fluídos na exploração de petróleo e os efeitos posteriores a grandes explosões nucleares podem provocar uma categoria especial de terremotos denominada terremotos induzidos ou terremotos desencadeada. Algumas dessas denominações passam a impressão errônea de que atividades humanas são a causa principal dos terremotos. Deve ficar claro, no entanto, que a ação humana sobre o ambiente físico, na produção de grandes obras de geoengenharia, apenas dispara o processo de liberação de esforços já existentes nesses locais.


Referência:
BARROS, Lucas Vieira; ASSUMPÇÃO, Marcelo; RIBOTTA, Luis Carlos; FERREIRA, Vinicius Martins. Sismicidade induzida por reservatórios (SIR): casos brasileiros. Boletim SBGF, n.96, p.16-21, 2016.

 
Publicações técnicas