Solues IPT

Pgina inicial do IPT   >   Centros Tecnológicos   >   Solução IPT

Pesquisa tecnolgica em corroso e proteo


Ensaio de imersão do aço-carbono em etanol. Projeto: Estudo da corrosividade do etanol.
 

O Laboratório de Corrosão e Proteção do IPT, além de apoiar o setor produtivo por meio de serviços tecnológicos, desenvolve também pesquisa aplicada. O Laboratório já desenvolveu cerca de 140 projetos de pesquisa e desenvolvimento, para praticamente todos os setores industriais, destacando-se: comunicação (telefonia); automobilístico (principalmente no desenvolvimento de carros movidos a etanol); metalúrgico; energia elétrica (produção, transmissão e distribuição); saneamento básico e óleo e gás.

Para o setor automobilístico, o laboratório teve participação efetiva no Programa Proálcool, ensaiando e identificando revestimentos metálicos aplicados sobre peças de zamak.

Para o setor metalúrgico, o Laboratório desenvolveu projetos relacionados com eletrodeposição de metais; fosfatização de bobinas de aço para conformação mecânica (em conjunto com a EPUSP-Mecânica); zincagem por imersão a quente (processo contínuo) para fios; cobreação contínua de fios de aço pelo processo de cobre químico; eletrodeposição de cromo preto para coletores solares e estudo da corrosividade de atmosferas de ambientes industriais.

Para o setor de energia elétrica e saneamento básico, o Laboratório fez um amplo levantamento em campo identificando os problemas de corrosão destes setores e, com base neste levantamento, estabeleceu as melhores opções de proteção contra corrosão de equipamentos e estruturas por meio de revestimentos metálicos e orgânicos. Para o setor elétrico, o Laboratório preparou um manual de corrosão e proteção e, para o setor de saneamento básico, elaborou um conjunto de normas e especificações. Desenvolveu também estudos de corrosão sob tensão de materiais utilizados em usinas hidrelétricas.

No setor de óleo e gás, destacam-se os seguintes projetos: detecção e mitigação da interferência por corrente alternada em dutos enterrados catodicamente protegidos; identificação de revestimentos alternativos para o cádmio em ambiente offshore; especificação de revestimento de níquel químico para utilização em água do mar; efeito de descargas atmosféricas em dutos; estudo da corrosividade de biocombustíveis (etanol e biodiesel); estudo da corrosividade do ácido sulfúrico concentrado; monitoramento da corrosão interna de dutos; corrosão externa de dutos; seleção de inibidores de corrosão e de sequestrantes de H2S.

 
  • Pesquisa tecnológica em corrosão e proteção
 



 
 
  • Notcias
  • veja todas
 
  • Soluções tecnológicas
 
  • Colunas
  • veja todas
 
  • Publicações
  • veja todas