Segmentos de mercado

Pgina inicial do IPT   >   Publicaes   >  Artigos Tcnicos

compartilhe

Desempenho de pr-tratamento de fosfato de zinco `dry-in-place frente conformao mecnica de chapas de aos baixo carbono


Tiago Rafael Ferreira de de Brito; Clia Aparecida Lino dos Santos


Resumo:

O presente trabalho comparou o desempenho do fosfato de zinco e do microfosfato de zinco, ambos com tecnologia “dry-in-place” para verificação do comportamento destes revestimentos frente à conformação mecânica, por meio do ensaio do embutimento Erichsen, método Nakazima e curvas limite de conformação (CLC). Foram estudadas chapas de aço-carbono grau EM e grau EEP G4 eletrozincadas e fosfatizadas. As chapas foram fosfatizadas empregando-se dois banhos: fosfato de zinco e microfosfato de zinco, ambos com tecnologia “dry-in-place”. A caracterização da morfologia dos fosfatos estudados por microscopia eletrônica de varredura mostrou que as camadas de fosfato de zinco não apresentam formação de cristais, quando aplicadas por “roll coater” e as análises por EDS comprovaram a presença do elemento fósforo. O ensaio de embutimento Erichsen somado aos resultados obtidos nas curvas CLC demonstraram que o microfosfato exibiu desempenho melhor em comparação ao fosfato. A diferença entre os dois tipos de fosfato foi mensurável e evidenciou que a tecnologia “dry-in-place” colaborou com a produção de camadas fosfatizadas adequadas para a lubrificação durante o processo de conformação mecânica.


Referência:
BRITO, Tiago Rafael Ferreira de; SANTOS, Célia Aparecida Lino dos. Desempenho de pré-tratamento de fosfato de zinco dry-in-place frente à conformação mecânica de chapas de aços baixo carbono. In: SEMINÁRIO DE LAMINAÇÃO, 52., 2015, Rio de Janeiro. Anais... São Paulo: ABM, 2015. 10 p.

 
Mais sobre este centro
 
Contatos
  • Central de Relacionamento com o Cliente
  • ipt@ipt.br
    Tel.: (11) 3767-4000