Pgina inicial do IPT   >  Notícias

Notcias


compartilhe


  15.04.20

Chamada pblica Rota 2030


Fundep abre chamadas para projetos da linha IV, de ferramentarias, desenvolvida junto ao IPT


Com informações da Fundação de Desenvolvimento da Pesquisa (Fundep)
 
O Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) está trabalhando com a Fundação de Desenvolvimento da Pesquisa (Fundep) no programa ‘Ferramentarias Brasileiras Mais Competitivas’, que tem por objetivo a integração da indústria automotiva nacional às cadeias globais de valor, focando no fortalecimento da cadeia ferramental e no desenvolvimento da cadeia produtiva. Na última segunda-feira, dia 13 de abril, a Fundep lançou quatro chamadas públicas referentes ao tema, que pertence à Linha IV do Programa Rota 2030 do Governo Federal.

Chamadas públicas da Fundep englobam quatro eixos da Linha IV do Programa Rota 2030, destinada ao desenvolvimento do setor automotivo
 

 

As chamadas são para projetos de Institutos de Ciência e Tecnologia (ICT) em parceria com empresas e startups de todo o Brasil, com o intuito de apoiar e fomentar intercâmbio científico e tecnológico entre grupos de pesquisa e a cadeia automotiva para o desenvolvimento de programas de capacitação técnico-científico-gerencial para elevar a produtividade e competitividade da cadeia nacional de ferramentaria ao patamar mundial. Elas se dividem em quatro eixos:

 
 
Aperfeiçoamento de produtos produzidos ou processos aplicados, resultando em redução de custo e/ou de tempo de produção ou em melhoria da qualidade de ferramentais para o setor automotivo.
Investimento: até R$ 1.000.000,00 (um milhão de reais) para cada projeto.
Prazo de execução: até 12 meses.
(Fluxo contínuo)
 

EIXO II – Pesquisa, desenvolvimento e inovação

Renovação de produtos produzidos ou processos aplicados, resultando em redução de custo e/ou de tempo de produção em pelo menos 30% ou em melhoria da qualidade de ferramentais para o setor automotivo (zero defeito nas peças conformadas).
Investimento: até R$ 3.000.000,00 (três milhões de reais) para cada projeto.
Prazo de execução: até 36 meses.
(Fluxo contínuo)
 
Aplicação de ideias e procedimentos inovadores, cujos resultados potenciais representem um diferencial da ferramentaria brasileira em nível global.
Investimento: até R$ 6.000.000,00 (seis milhões de reais) para cada projeto.
Prazo de execução: até 36 meses.
(Fluxo contínuo)
 

EIXO IV – Desenvolvimento a partir de demonstradores

Consolidação, harmonização e difusão de atuais conhecimentos, competências e boas práticas já existentes no setor ferramenteiro brasileiro.
Investimentos: até R$ 3.000.000,00 (três milhões de reais) para proposta de demonstrador estampado e até R$ 2.000.000,00 (dois milhões de reais) para demais propostas.
Prazo de execução: de 12 a 24 meses.
(Edital)
 
O prazo de submissão das propostas para os eixos I, II e III é o dia 22 de setembro de 2020. Já para o eixo IV, o prazo é o dia 21 de julho. Para saber mais, acesse a página das chamadas públicas da Fundep.