Pgina inicial do IPT   >   Publicaes   >   Publicaes tcnicas   >  Artigos Tcnicos

compartilhe

Desenvolvimento de uma metodologia para hierarquizao das sub-bacias do Rio do Peixe quanto a capacidade de produo de sedimentos


Filipe Antonio Marques Falcetta; Gerson Salviano Almeida Filho; Zeno Hellmeister


Resumo:

A bacia hidrográfica do rio do Peixe, com uma área aproximada de 11.000 km², constituída de 38 municípios e uma população estimada de 500.000 habitantes, apresenta graves problemas ocasionados pela má gestão de seus recursos hídricos. A potencialidade das terras à produção de sedimentos, determinada a partir de uma metodologia desenvolvida pelo IPT há mais de duas décadas, é alta em quase toda a bacia, o que impossibilita a hierarquização das sub-bacias desta forma. Este trabalho apresenta uma proposta de melhoria de metodologia, adotando a densidade de drenagem como parâmetro de diferenciação das sub-bacias e produzindo um mapa de capacidade de produção de sedimentos. Foi possível observar uma forte correlação entre a ocorrência de erosões e a ordenação das sub-bacias proposta, permitindo assim utilizar os desenvolvimentos deste trabalho como um instrumento para a gestão dos recursos hídricos, garantindo que áreas mais críticas sejam atendidas prioritariamente.


Referência:

FALCETTA; Filipe Antonio Marques; ALMEIDA FILHO, Gerson Salviano; HELLMEISTER JUNIOR, Zeno. Desenvolvimento de uma metodologia para hierarquização das sub-bacias do Rio do Peixe quanto a capacidade de produção de sedimentos. In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE RECURSOS HÍDRICOS, 22, 2017, Florianópolis. Anais... 8p.

 
Publicações técnicas