Pgina inicial do IPT   >   Publicaes   >   Publicaes tcnicas   >  Artigos Tcnicos

compartilhe

Ferramentas para a gesto da floresta urbana


Raquel Dias de Aguiar Moraes Amaral; Rubia Gomes Morato; Richard Soares Mariano; Jnio Marcos Rodrigues Ferreira


Resumo:

Contextualizar o uso de ferramentas de gestão da Floresta Urbana para promoção da qualidade de vida maximizando os serviços ambientais que as árvores prestam para os citadinos. Apresentar o estado da arte do desenvolvimento de tecnologias de monitoramento fundamentadas em plataformas espaciais e terrestres para a gestão da floresta urbana, por meio da aplicação de métodos, técnicas e tecnologias de monitoramento, controle e automação de processos de levantamento e mapeamento, com vistas à tomada de decisão. A relevância deste trabalho está na apresentação das diferentes ferramentas para gestão da floresta urbana de maneira atualizada, aliando os recursos tecnológicos às necessidades dos gestores públicos e, com isso, contribuindo para a qualidade de vida da população urbana. Algumas ferramentas vêm ganhando notoriedade em decorrência das suas vantagens em captarem informações, como os Veículos Aéreos Não Tripulados (VANTs). Tecnologias de sensoriamento remoto tem se tornado ferramentas obrigatórias na gestão de cidades, no planejamento urbano e ambiental. A análise da vegetação na área urbana, distribuição e classificação efetuada por meio da extração do NDVI (Normalized Difference Vegetation Index) também é utilizada para caracterizar grandes áreas e localizar exemplares arbóreos com suspeitas de deficiência na saúde vegetal. Os sensores LiDAR executam varredura a laser propiciando análises topográficas e da cobertura florestal que possibilitam mapear, simultaneamente, o terreno sob as árvores e a sua altura estimada. As técnicas de sensoriamento remoto e Sistema de Informação Geográfica (SIG) são combinadas para mapear o uso e mudanças na cobertura da terra e medir a taxa de expansão urbana e perda de vegetação. Outras ferramentas computacionais promissoras são a Inteligência Artificial (IA) e o aprendizado de máquinas que se propõe a elaborar dispositivos que simulem a capacidade humana de raciocinar, perceber, tomar decisões e resolver problemas. A utilização de ferramentas de gestão para a floresta urbana são recursos necessários e mais ágeis que podem auxiliar os gestores na tomada de decisão para a construção de uma cidade mais sustentável e inclusiva.

Referência:
AMARAL, Raquel Dias de Aguiar Moraes; MORATO, Rubia Gomes; MARIANO, Richard Soares; FERREIRA, Jânio Marcos Rodrigues. Ferramentas para a gestão da floresta urbana. Journal of Environmental Management & Sustainability – Revista de Gestão Ambiental e Sustentabilidade – GeAS, v.10, n.1, p.1-10, 2021.

 
Publicações técnicas