Solues IPT

Pgina inicial do IPT   >   Centros Tecnológicos   >    >  Solução IPT   >  Informações Complementares

Reao ao fogo dos materiais

compartilhe


Avaliao das caracteristicas de reao ao fogo dos materiais - Ensaio SBI


O método de ensaio especificado na norma ISO 13823: 2002 é utilizado para a determinação do desempenho quanto à reação ao fogo de materiais de construção, com exceção daqueles empregados em pisos, quando expostos a uma chama padrão singular (SBI – Single Burning Item).

Os corpos-de-prova são formados por duas partes denominadas “asas” que são montadas em forma de “L” no carrinho que faz parte do equipamento. Um queimador localiza-se no canto de junção entre as duas asas no carrinho. Este queimador produz uma chama padrão à qual o corpo-de-prova é submetido. São determinados então, a partir da queima do corpo-de-prova, os dados de ensaio, por meio de instrumentação do equipamento localizada no duto de extração dos gases gerados.

Os resultados são expressos da seguinte forma: índice da taxa de desenvolvimento de fogo (FIGRA); índice da taxa de desenvolvimento de fumaça (SMOGRA); liberação total de calor do material (THR); produção total de fumaça (TSP); propagação lateral de chama (LFS) e ocorrência ou não de gotejamento e/ou desprendimento de material em chamas.

Este ensaio é correntemente executado pelo LSFEx e se adequa especialmente a materiais que:

  • sofrem derretimento ou retração abrupta quando sujeitos a uma chama, afastando-se da chama-piloto;
  • são compostos por miolo combustível protegido por barreira incombustível ou que pode se desagregar em situação de incêndio;
  • são compostos por diversas camadas de materiais combustíveis apresentando espessura total superior a 25 mm;
  • quando instalados formam juntas, através das quais, especialmente, o fogo pode propagar ou penetrar.

 
  • Ensaios de reação ao fogo - SBI